Afinal, as mulheres têm mais ciúmes do que os homens das amigas do marido

0
1845

princigalli / Canva

Contrariamente ao que se pensava, as mulheres têm mais ciúmes das amigas dos maridos do que os homens têm dos amigos das esposas.

É uma história frequentemente retratada nos filmes ou nas séries — está tudo bem entre o casal até que a mulher arranja um amigo que deixa o marido a roer-se de ciúmes. Mas, na vida real, a situação não é bem assim.

Um novo estudo publicado na Evolutionary Behavioral Sciences revelou que, ao contrário da conclusão de pesquisas anteriores, as mulheres costumam ser mais ciumentas do que os homens das amigas dos seus parceiros

As pesquisas ao longo dos anos têm mostrado as diferenças entre os géneros quando o tema é ciúmes. Os estudos mostram que os homens tendem a ser mais ciumentos sobre a infidelidade sexual porque caso o casal tenha filhos, o homem não tem a certeza sobre se é verdadeiramente o pai das crianças.

Já as mulheres sofrem mais com a infidelidade emocional pois esta ameaça o seu acesso integral à protecção e aos recursos para cuidar de si e dos filhos. Em ambos os casos, quanto mais atraente é o potencial rival, mais intensos são os ciúmes.

Para este estudo, foram recrutadas 364 pessoas, todas habitantes nos Estados Unidos, casadas, com pelo menos 18 anos e que tinham o inglês como língua nativa. Os participantes foram divididos aleatoriamente em quatro grupos onde foram expostos a cenários diferentes sobre possíveis amizades dos seus cônjuges com pessoas do sexo oposto.

Os resultados mostram que havia mais ciúmes quando o amigo ou amiga do cônjuge era do mesmo sexo do participante. A conclusão que mais surpreendeu os investigadores é que as mulheres admitiram ter níveis de ciúmes mais altos quando imaginam os maridos com uma amiga. Este dado sugere que os sentimentos de ciúme das mulheres estão mais associados com a atratividade.

O estudo sugere também que o sucesso reprodutivo das mulheres é mais ameaçado pelas amigas dos maridos porque a amiga exige a divisão de recursos que a esposa procura obter, como o tempo ou a atenção.

A investigação também contradiz a ideia de que os homens são mais ciumentos a nível sexual, não tendo sido encontradas grandes diferenças entre os sexos neste plano, mas havendo contextos em que os ciúmes sexuais delas são ainda mais fortes do que os deles.

Os homens também se mostraram mais incomodados emocionalmente quando os amigos ou amigas da esposa eram atraentes ao invés de pouco atraentes. A hipótese dos autores para explicar isto é que um amigo atraente é um potencial rival e uma amiga atraente pode ajudar a esposa no “engate”.

  ZAP //

Deixe um comentário