CAPES lança edital para projetos de pesquisas sobre a pandemia

0
435

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) lançou nesta segunda-feira (27) o edital para o Programa de Desenvolvimento da Pós-Graduação (PDPG) – Impactos da Pandemia. Neste ano, serão selecionados projetos de pesquisas que abordam as consequências e os reflexos sociais, econômicos, culturais e históricos decorrentes da pandemia do novo coronavírus.

As propostas devem ser apresentadas por meio do Sistema de Inscrições da CAPES (Sicapes), entre os dias 4 de outubro e 22 de novembro de 2021. O órgão selecionará 40 projetos, com implementação prevista para março de 2022. No total, os projetos terão uma vigência de até 48 meses.

Para o edital serão disponibilizados R$25,1 milhões para o programa, sendo R$21,1 milhões para a concessão de bolsas e o restante para custeios. Todas as bolsas serão pagas por meio Sistema de Controle de Bolsas e Auxílios (SCBA).

:: Há mil dias no poder, Bolsonaro coleciona mentiras e casos de violações aos direitos humanos ::

A partir do tema, os pesquisadores devem focar em fatores que surgiram ou que foram agravados pela pandemia, como adoecimento social, violência, saúde mental, novas estruturas de trabalho e ensino, entre outros.

Requisitos

Entre os requisitos, o candidato deve ser professor ou pesquisador vinculado a um programa de pós-graduação recomendado pela CAPES, estar cadastrado na Plataforma Sucupira, ter título de doutor e ter currículo cadastrado e atualizado na Plataforma Lattes.

“A CAPES concederá bolsas para diagnóstico e para soluções sobre os reflexos da COVID-19 no território nacional. Serão projetos interdisciplinares, pois temos reflexos em todas as áreas”, afirma Cláudia Queda de Toledo, presidente da CAPES.

Para mais informações, entre em contato com a equipe do programa através do e-mail [email protected] ou do telefone (61) 2022-6310.

Com informações de CCS/CAPES.

Edição: Daniel Lamir

Fonte: Brasil de Fato