Livraria Lello paga mais de 500 milénio euros por cartas de paixão de Bob Dylan

0
5387

badosa / Flickr

Bob Dylan

Famosa livraria no Porto investiu em 42 cartas de paixão inéditas do vencedor do Nobel. Vão ser expostas em Janeiro.

Quando se fala em Robert Allen Zimmerman – perdão, Bob Dylan – fala-se em músicas, composições, poemas. E de Nobel, mais recentemente.

O vencedor (surpreendente) do Prémio Nobel da Literatura em 2016 é visto por muitos especialistas um dos maiores compositores de sempre.

Like a Rolling Stone chegou aos topos de vendas, tal uma vez que Rainy Day Women ♯12 & 35 ou Lay Lady Lay. Ou a famosa Blowing in the wind, que ainda hoje se canta muito em igrejas.

O também redactor de livros e ilustrador apresenta, entre outras vertentes, a faceta de profissional em cartas de paixão.

42 dessas cartas de paixão, nunca publicadas até cá, foram adquiridas pela Livraria Lello.

O famoso espaço no Porto gastou 519 milénio euros (mais do duplo da base de licitação) para comprar as cartas num leilão realizado nesta quinta-feira, informa o Expresso.

As cartas foram escritas entre 1957 e 1959, quando Bob tinha entre 16 e 18 anos.

Eram declarações de paixão à logo namorada Barbara Ann Hewitt, nas quais conta que quer mudar o seu nome (um pouco que concretizou oficialmente, aos 20 anos) e vender um milhão de discos.

Barbara Ann Hewitt morreu há dois anos. Foi a sua filha que encontrou estas cartas, depois do falecimento da sua mãe.

São mais de 150 páginas manuscritas pelo compositor, que passarão assim a fazer secção da “ementa” da Lello.

Serão exibidas ao público a partir de 13 de Janeiro de 2023.

  ZAP //

Deixe um comentário