Tragédia em Petrópolis (RJ) soma 208 mortos, e número de

0
5194

Nesta quinta-feira (24), o número de vítimas fatais causadas pelo temporal que atingiu Petrópolis, na região serrana do Rio de Janeiro, na última semana, subiu para 208 pessoas. A informação é da Polícia Social.

Do totalidade de vítimas até agora, 191 corpos foram identificados, mas sete precisaram ser encaminhados para coleta de DNA por não terem sido reconhecidos no Instituto Médico Lítico (IML) da cidade. 

Segundo o último balanço do Corpo de Bombeiros, divulgado na última quarta-feira (23), o número de desaparecidos caiu para 51 pessoas.

Leia também: Pesquisa Firjan: impacto de chuvas no PIB de Petrópolis (RJ) será de R$ 665 milhões

Desde segunda-feira (21), a Polícia Social segue com o mutirão de coleta de DNA para agilizar a identificação de vítimas. O resultado dos exames leva em média 10 dias para permanecer pronto. Os agendamentos podem ser realizados em qualquer unidade da Delegacia de Invenção de Paradeiros (DDPA).

De contrato com as informações divulgadas pela corporação, 124 mortos são do sexo feminino. Outros 84, do masculino. Do totalidade, 40 são crianças e adolescentes. 

Nas tardes das últimas terça (22) e quarta-feira (23), as chuvas voltaram à cidade causando alagamentos e alertas das sirenes da Resguardo Social. De contrato com a previsão, o tempo deve seguir instável nos próximos dias devido a passagem de uma frente fria.

:: Petrópolis: mortos pelas chuvas chegam a 171 e bombeiros resgataram 24 pessoas com vida :: 

Natividade: BdF Rio de Janeiro

Edição: Mariana Pitasse

Natividade: Brasil de Indumento

Deixe um comentário